JollyRoger 80´s para as Massas

JollyRoger 80´s para as Massas

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Papai Noel não se esquece de ninguém


País que não se comporta ganha presente!





sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Desligue a Televisão!



A televisão e demais meios de comunicação exercem diversos tipos de poder sobre seus telespectadores consumidores, mas talvez o pior seja conseguir convencê-los de seu suposto estatuto de legitimidade. A falsa impressão de que "se passa na tv é bom". Não, não é necessariamente bom. Vejam menos televisão.

Esqueçam um pouco de seus ''artistas'' mortos de fome preferidos. Escutem o que seus amigos estão falando. Leiam o que gênios ''anônimos'' estão escrevendo. Divirtam-se e cresçam com essas pessoas. As possibilidades são inúmeras e as verdades podem ser muitas, então não desperdice seu pouco tempo como um videota. Faça um revolução, desligue a televisão.









TVslave

Uma imagem vale mais do que 1000 palavras?


+ Televisão


Quem discorda?


ALIEN ado?


ALIEN sim. ALIENado não!


The Dark Knight & Robin

Parem tudo que estiverem fazendo e vejam esse vídeo! Quer dizer, quem gosta ou viu o último filme do Batman (O Cavaleiro das Trevas Ressurge) pare o que estiver fazendo e assista essa paródia. Como seria a participação do Robin do seriado dos anos 60 na proposta de realidade da última trilogia dirigida por Christopher Nolan?

sábado, 24 de novembro de 2012

Freddie Mercury 1946 - 1991

No dia 24 de Novembro de 1991 falecia Freddie Mercury, vocalista da super banda QUEEN. Nos últimos 21 anos temos acompanhado cada vez mais o aumento do prestígio de ambos. Sua importância na História da música e da cultura pop são inquestionáveis. Longa vida ao Queen. Longa vida à Mercury!



terça-feira, 20 de novembro de 2012

M úsica P odre B rasileira


A música brasileira já teve seus bons momentos. Nos últimos 20 anos tudo foi se destruindo rapidamente com a overdose do sertanejo risível, do axé com sua felicidade demente e do pagode e funk nivelador da mediocridade. Hoje ainda sobraram alguns zumbis de uma arte autêntica comprometida de outrora. Mas mesmo nos bons ainda se percebe o problema sério de baixa auto-estima. Não vejo a expressão de força, autenticidade e comprometimento na grande maioria dos artistas brasileiros. 

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Madonna American Life


No ano de 2001 Madonna lançou o álbum American Life. Pela primeira e última vez a artista criadora de polêmicas (muitas dessas de importância relativa) tratava de política e fazia uma forte crítica à política externa do governo de George W. Bush. Muito boa a versão original do videoclip da música American Life. Como vocês devem saber esse vídeo foi censurado na época da invasão norte-americana ao Iraque e Afeganistão. 





 Este abaixo é outra versão menos violenta e contém a famosa cena final que faz referência direta ao então presidente fascista George W. Bush. Mesmo este também foi censurado.


Democracia da Mediocridade


O medo, ressentimento e a raiva de autoritarismos como os da época da Ditadura fez com que a sociedade como um todo fosse afrouxando algumas de suas formas de autoridade. Como a corda arrebenta sempre no lado mais fraco uma das instituições que mais perdeu poder foi a Educação e seus profissionais. 

A constante emergência de políticas e formas de pensamento niveladoras, paternalistas e politicamente corretas de suposta proteção ao homem piora a situação. A ideia equivocada de que O Estado deve amparar os coitadinhos e A escola não pode reprimir os alunos cria vícios. Estes devem comandar a escola e dar as ordens. Seja na pública ou particular impera a postura capitalista de "estou pagando o seu salário!".


No final das contas, a busca por prazer imediato e entretenimento venceu e as pessoas desacreditadas da possibilidade de sucesso pessoal através do esforço próprio e merecimento se nivelam por baixo e seguem o aparentemente caminho mais fácil. As figuras mais críticas , "intelectualizadas" e os verdadeiros artistas da sociedade não são modelos de comportamento.


A euforia democrática pós-moderna, que também pode ser alienante prega a igualdade ilusória e a crença de que a ignorância de muitos vale o mesmo que a inteligência e criatividade de poucos.



Novela


Para você que vai assistir novela hoje, o meu mais profundo e sincero ...



A última cartada da Diplomacia





"Deixe-me mostrar como a Democracia funciona"


A origem do Mundo de Gustave Courbet



O quadro "A origem do mundo”, de Gustave Courbet ainda hoje é um causador de polêmicas, na medida em que, é frequentemente censurado desde sua criação em 1866. A ameaça do conservadorismo sem sentido ainda se faz presente em nossa época onde a sexualidade livre de pudores é ultra valorizada.

O vício das Redes Sociais


O vício em redes sociais é um novo fator cultural que atinge jovens de todas as classes, principalmente nos grandes centros urbanos. Especialistas afirmam que os dependentes das redes acreditam estar cada vez mais próximos de seus amigos e parentes, mesmo passando horas em frente ao computador.

 Nas classes A e B o número de gestantes diminuiu em relação aos últimos anos, pois as adolescentes passam mais tempo postando fotos seminuas do que ficando nuas. Por conseguinte, os rapazes ''se resolvem'' olhando essas fotos. 

Muitos consideram mais prático e até mais higiênico dessa maneira. Já nas classes C e D, a pornografia continua circulando e sendo realizada despudoradamente. E os bebês têm sido gerados tão rápido quanto perfis fakes no abandonado orkut tempos atrás.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Feliz Dia do Professor (15 de outubro)




Um professor é essencialmente um incomodado. 
E nem sempre os incomodados querem se mudar, mas sim incomodar também.

Os professores sofrem se achando incompetentes porque a maioria dos seus alunos tiram notas ruins, não aprendem nada e mostram-se alienados. Mas desde quando é tarefa dos mestres formarem um pelotão de gênios? A função do professor é encontrar agulhas no palheiro! 


A maioria das pessoas é ordinária, quando não, medíocre. Grandes realizações são feitas por poucos e a maioria simplesmente segue o fluxo. Então professores, lutem por melhores salários, condições de trabalho e respeito. Mas não achem que são incapazes e que o futuro estará povoado por pessoas inteligentes e conscientes.


É importante não enxergar os rumos da sociedade sob um olhar maniqueísta de luta do bem contra o mal. Na educação por exemplo, é notório o descaso óbvio do Governo para com o setor. Mas não se pode negar que a alienação e ignorância são ''bens'' igualmente e eficientemente democratizados e que atuam sobre todas as esferas e grupos sociais. Sejam ricos ou pobres, homens ou mulheres, professores ou alunos.



segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Feliz Dia das Crianças




Essa foto está com restrição de idade. Quem tiver curiosidade faça uma busca para ver o que acontece com crianças nos campos de concentração palestinos. Obviamente encontrará material já filtrado, mas não menos chocante para alguns. Vocês acham que só quem imita nazistas são os Neo-nazistas? 




Leiam o texto Pedofilia Cultural
http://jollyroger80s.blogspot.com.br/2012/06/pedofilia-cultural.html

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

11 anos do 11 de Setembro




Feliz Aniversário 11 de Setembro! Minha pequena homenagem ao dia em que os cidadãos norte-americanos (ou estadunidenses) sentiram na pele como é ser atacado em seu próprio território. A destruição das Torres foi uma manobra ousada e condenável, mas decisiva para os novos rumos péssimos do Mundo. Terrorismo gera Terrorismo. E os Estados Unidos da América são uma Nação Líder em práticas terroristas e ditatoriais.

Roberto Justus e outros absurdos da TV brasileira





O fato de a televisão brasileira se constituir um meio privada de comunicação não nos impressiona mais. Porém, não deixa de ser curioso como determinadas atrações e personalidades fazem sucesso. Um dos exemplos, talvez um dos mais grotescos seja o do empresário Roberto Justus!

O brasileiro realmente tem fetiche por humilhação. Trabalha uma semana reclamando do patrão, descansa ridiculamente apenas dois dias e  se permite assistir essa figura mitológica. O sujeito simplesmente é o Chefão capitalista supremo com seu senso de valores individualistas, competitivos desprezíveis de mundo empresarial. O brasileiro imbecil se divertia e o Roberto Justus gozava (rios de dinheiro) ao demitir os aspirantes executivos.

Crianças, quanto mais cedo vocês enxergarem a mediocridade nas supostas pessoas importantes e famosas da sociedade mais livres vocês serão. Liberdade em certo sentido, é claro. Escravos todos somos, alguns gostam, outros desejam.

O pior não são os grilhões nos pés, mas os no espírito. 





As pessoas gritam com suas bundas: "Eu sou medíocre!"
Por que vocês não ouvem? As bundas falam todas a mesma língua?


sexta-feira, 7 de setembro de 2012

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Autenticidade



Desconfie de pessoas transparentes demais. A autenticidade é um trevo de 4 folhas.



sábado, 18 de agosto de 2012

Um político é apenas um político



As pessoas incorrem nos mesmos erros. Sempre! E o pior deles é acreditar que existe UM salvador. Maldita necessidade de carregar alguém nas costas e esperar ser carregado por ele. Meus amigos, Cuidado com as exaltações e cegueiras esperançosas. Nessa época de eleições deposite seu voto em quem achar que merece, mas não se esqueçam que um político é apenas um político. 

Os 12 Macacos de Terry Gilliam (poster)



Assistam! Por hora, é só isso.

Caça-Fantasmas


   Para investigações profissionais paranormais e eliminações. Chame os Caça-Fantasmas!

Aula de História com Edir Macedo


Bispo Macedo fala sobre senhores feudais (ou Feudaus! como fica comprovado no seu português santo) e seus ... escravos (?), igreja católica, bois, recém-nascidos, carro novo e espírito santo. É tanto assunto misturado que parece um vlog do nerd PC Siqueira. Aula de História pura!!! O vídeo termina com um ótimo conselho para o rebanho.




Um pouco mais de sabedoria com o Bispo:

http://noticias.gospelmais.com.br/bispo-macedo-homens-casar-mulheres-raca-diferente-39342.html


"O rapaz que deseja fazer a Obra de Deus não deve se casar com uma moça que tenha idade superior à dele, salvo algumas exceções, como por exemplo aquele que é suficientemente maduro e experiente na vida para não se deixar influenciar por ela. Mesmo assim, a diferença não deve ultrapassar dois anos.

Temos visto que quando a mulher tem idade superior à do seu marido, ela, que por natureza já tem o instinto de ser "mandona”, acaba por se colocar no lugar da mãe do marido. E o pior não é isto. A mulher normalmente envelhece mais cedo que o homem, e quando ela chega à meia-idade, o marido, por sua vez, está maduro mas não tão envelhecido quanto ela.

E a experiência tem mostrado que é muito mais difícil, mas não impossível, manter a fidelidade conjugal. Para evitar este ou outros transtornos, oriundos da diferença de idade (a do marido inferior à da esposa), é preferível que não haja qualquer compromisso de casamento" _ Edir Macedo


"Não haveria nenhum problema para o homem de Deus se casar com uma mulher de raça diferente da dele, não fossem os problemas da discriminação que seus filhos poderão enfrentar nas sociedades racistas deste mundo louco. É preciso que ambos estejam conscientes quanto aos riscos de traumas ou complexos que as crianças poderão absorver durante os períodos escolares, e, a partir daí, carregarem-nos por toda a vida. Infelizmente, os pais não terão como evitar que aconteçam rejeições ou críticas por parte dos coleguinhas nas escolas nos países onde eles poderão estar pregando o Evangelho. Portanto, é necessário que o casal examine também esta questão, antes de qualquer compromisso mais sério" _ Edir Macedo

Siga-o por sua conta e risco.

Observação: Por que o deus dele não curou sua miopia? Falta de fé?

Cérebro




O "supremo" Tribunal Federal decidiu que Aborto de feto sem cérebro deixa de ser crime. E quando será considerado crime o não uso do cérebro?

Visitem meu blog de ilustrações em http://jollyroger80s.tumblr.com/


Cine Las Americas 2012


A mensagem do vídeo é: ''2 milhões de pessoas ao redor do mundo pensam que é desse jeito que as pessoas dançam no Brasil. Se essa é sua realidade imagine seus filmes"




Na página do festival é informado  "Cine Las Americas invita a cineastas independientes, casas productoras y distribuidores, a participar en el 15º Cine Las Americas International Film Festival. El festival muestra cine y video contemporáneos de América Latina (Norte, Centro, Sud América, el Caribe) y la Península Ibérica, e incluye también proyectos hechos por, o acerca de, Latinos radicados en los Estados Unidos y el resto del mundo, así como grupos indígenas de las Américas."

O Festival ocorreu no Texas no mês de abril e tem a Petrobras como uma das patrcoinadoras. Interessante. Os curta-metragens propaganda do festival ironizam os povos da América Latina. Foram produzidos por latino-americanos? Qual seria a intenção? nos ridicularizar? fazer uma crítica construtiva? O retorno do bom e velho ''Nós contra eles''?

Nesse outro vídeo, supostamente a respeito de costumes peruanos vemos uma mãe dando de mamar para o filho adolescente durante um jantar em família.




Outro curta-metragem mostra Mexicanos se deslumbrando ao enxergar imagens religiosas em vegetais no supermercado. Infelizmente, esse e o da noiva brasileira dançando funk são os menos exagerados.



Para maiores informações a respeito do polêmico festival acesse:

http://www.cinelasamericas.org/

 http://www.tal.tv/blog/index.php/2011/12/02/cine-las-americas-international-film-festival-sera-del-24-al-29-de-abril-de-2012-en-texas/

The Dark Side of the OZ


Assista o filme "O Mágico de Oz" em sincronia com o álbum do Pink Floyd "Dark Side of the Moon". Veja as coincidências entre as canções de Roger Waters e as cenas do filme. E tire suas conclusões.





Patoatomico: The Dark Side of Oz - Legendado from Pato Atômico on Vimeo.



Imbecilização cultural


Um dos grandes fenômenos contemporâneos é o da Imbecilização cultural. Esse processo vai colocar em xeque a teoria da Seleção Natural onde os mais fortes e aptos sobrevivem. Os mais inteligentes têm cada vez menos filhos enquanto os ordinários se reproduzem aos milhões. O processo de mediocridade cerebral já é uma realidade. Em menos de um século o mundo estará povoado por bilhões de dementes.

Se pelo menos eles se matassem a cada partida de futebol que vão... já diminuiria consideravelmente o problema. E uma observação importante é que a idiotização não fica limitada a determinadas classes sociais. Na contemporaneidade ricos e pobres são espiritualmente e culturalmente medíocres.


Charges interessantes e brincadeiras à parte, vale ressaltar que a TV não é a inimiga e sim as pessoas que a utlilizam (como fantástico meio de comunicação que é) para fins nefastos e medíocres. Personalizamos a TV, mas as pessoas é que são os objetos que devem ser removidos. E assim como a televisão certos livros podem ser inúteis, alienantes, mentirosos e prejudiciais.

sábado, 14 de julho de 2012

Dredd e o espetáculo estético da violência



O Cinema (especialmente o norte-americano) está se especializando cada vez mais em tornar a violência um espetáculo estético. Socos, tiros e pontapés tornam-se um balé da barbárie e alimentam psicologicamente os desejos naturais de combate do indivíduo domesticado.

Vale ressaltar que, enquanto faces são deformadas em slow-motion, os tão naturais seios e bundas tornam-se cada vez mais escassos no cinema "sério". Quando os impulsos sexuais são anulados toda a energia do homem é direcionada para a guerra. Nada contra um filme onde a violência está contextualizada até porque existem ótimos filmes de ação e de artes marciais.




Mas a naturalização da violência e a censura de outras atividades é algo curioso de ser observado. Em tempo, o filme Dredd é fantástico. 






O trailer é bem interessante. O filme anterior "Judge Dredd" (1997) com o Sylvester Stallone foi um verdadeiro desperdício apesar do ótimo vilão vivido por Armand Assante.




(continua)

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Watchmen de Alan Moore, Dave Gibbons e Zack Snyder


Alan Moore é um autor britânico ousado, criativo e naturalmente polêmico. Escreveu grandes obras e pelo menos três das mais importantes HQs de todos os tempos: Watchmen, V de Vingança e A Piada Mortal. 





Esta última é justamente sua grande contribuição para Batman pois a  graphic novel (termo este detestado por vários artistas dos comics) ''A Piada Mortal'' conta a origem  do Coringa. (pelo menos uma das possíveis origens). E foi Magistralmente desenhada por Brian Bolland.




Watchmen foi ilustrada por David Gibbons. E teve sua versão cinematográfica dirigida por Zack Snyder.


Como qualquer adaptação de quadrinhos para o cinema ocorreram algumas mudanças que desagradaram fãs mais fervorosos. Porém, em toda adaptação existem mudanças. Situações colocadas em hqs e livros, por exemplo, às vezes não ficam tão interessantes em outras mídias. No geral, creio que o saldo de Watchmen foi positivo. E nada precisa ser sacralizado. E histórias em quadrinhos se encaixam nisso.

Na imagem abaixo temos ( da esquerda para direita) o Comediante, Ozymandias, Night Owl, Silk Spectre e Rorschach. Que junto com o Dr. Manhatam formam os personagens principais da apocalíptica trama que aborda uma série de questões como política, ética, sexo, crise moral e social. 

Os pontos de vista diferentes e radicais entram em conflito e questionamentos incômodos são levantados a todo momento. Espera-se que o leitor e no caso do filme, o telespectador sejam levados a pensar. 




Para deleite (de poucos) postarei algumas das melhores divagações do personagem Rorschach e de outros personagens interessantes de Watchmen.


"Por que tão poucos de nós continuam na ativa, com saúde e equilibrados?''

"Diário de Rorschach. Sexta-feira à noite um comediante morreu em Nova Iorque. Alguém sabe por quê. Lá embaixo... alguém sabe. O ar fede a corrupção e degradação moral. Terei que me exercitar um pouco."


"Sexta-feira à noite, um comediante morreu em Nova Iorque"

"Diário de Rorschach. 12 de outubro de 1985. Tiveram uma escolha. Todos eles. Poderiam ter seguido os passos de homens bons (...) Homens decentes que acreditavam em trabalho honesto (...) Agora, o mundo inteiro esta à beira do precipício olhando pra baixo, pro inferno sangrento. Todos aqueles intelectuais e gente de fala mansa. De repente, ninguém mais tem nada a dizer."



Diário de Rorschach. 12 de outubro de 1985. Carcaça de cachorro atropelada encontrada no beco hoje de manhã. Esta cidade tem medo de mim porque conheço sua verdadeira face. As ruas são extensões das sarjetas cheias de sangue. Quando os canos dos esgotos se encherem de sangue todos os vermes morrerão afogados. A sujeira acumulada de sexo e crime envolverá prostitutas e políticos, que voltarão os olhos para cima, implorando ''salve-nos!'' E  eu, do alto, responderei "Não".




"Diário de Rorschach. 13 de outubro de 1985. A senhoria está se queixando do cheiro. Ela tem cinco crianças de cinco pais diferentes. Com certeza engana a previdência. Abaixo de mim esta cidade horrível grita como um matadouro cheio de crianças retardadas. Nova Iorque."

Dr. Manhattan era indestrutível e tinha o poder de ver o futuro. Mas ver futuro não significa entendê-lo. Sua onipotência, arrogância e inteligência matemática o impediam de compreender o presente e perceber os acontecimentos que ocorriam debaixo de seu nariz. 


"Eu estava perguntando se vale a pena toda essa luta, esse esforço sem fim que só deixa as pessoas vazias e desiludidas...quebradas. A existência da vida é um fenômeno ao qual dão demasiada importância.'' 

 "Marte leva sua existência com perfeição, sem um microorganismo sequer. Nem uma única vida. Contudo, degraus de quase trinta metros de altura formam gigantescas ondulações...um mapa tipográfico que o vento e a poeira se encarregam de modificar constantemente. Diga-me...uma torre de petróleo significaria um grande melhoramento? (...) ou um shopping center?'' 
_ Dr. Manhattan



"O que o combate ao crime significa exatamente? Significa fazer cumprir a lei quando uma mulher rouba para dar de comer aos filhos, ou significa lutar para descobrir aqueles que, legalmente, causaram a pobreza?'' Adrian Veidt (Ozzymandias)




"Somos a única proteção para a sociedade. Proteção contra eles mesmos"  _ Eddie Blake, O Comediante


Nessa cena, O Comediante põe fim à uma manifestação popular. Muito bem filmada e editada com I´m your Boogieman de KC & the Sunshine Band na trilha-sonora. Inteiramente fascista o Comediante desfere os 3 primeiros golpes contra uma mulher, um homem negro e um branco. Uma interessante metáfora que representa o desprezo do personagem para com tudo e todos.




Dr. Manhattan e Comediante na Guerra do Vietnã. Na trama, os Estados Unidos venceram o conflito. E Ronald Reagan não foi Presidente nos anos 1980.






 "Quando você descobre que tudo isso é uma grande piada, ser o comediante é a única coisa sensata.''


Você pode tentar encontrar Watchmen nos melhores sebos em 12 ou 6 edições em suas publicações originais. Ou nas versões "definitivas" lançadas ultimamente. Boa leitura! 

                             Who Watch the Watchmen?
...

Tim Burton, Johnny Depp e Edward Mãos de Tesoura



Edward Scissorhands (Edward Mãos-de-Tesoura, 1990) foi o primeiro filme da longa parceria entre Tim Burton e Johnny Depp. Foi um projeto pessoal concebido entre as duas superproduções Batman (1989) e Batman O Retorno (Batman Returns, 1992). Foi escrito, produzido e dirigido por Tim Burton em uma época de frescor criativo quando ele não se limitava a fazer apenas refilmagens personalizadas de outros filmes (e séries) clássicos.

Geralmente os filmes de Tim Burton contam histórias de outsiders. Personagens à margem da sociedade ''normal'', excêntricos, anti-sociais e incompreendidos. Podemos entender as ''mãos'' de tesoura do personagem como uma grande metáfora para retratar um ser completamente inadaptado ao convívio social ou como uma forma lúdica e fantasiosa de contar o drama de uma aberração, de uma pessoa deformada.


Em um primeiro momento todos ficam espantados e curiosos com a presença de uma estranha figura como Edward. Logo ele se sobressai cortando cabelos das mulheres de maneira estilosa e fazendo esculturas nos jardins das casas padronizadas do subúrbio multicolorido.



Mas em pouco tempo ele é transformado em persona non grata e perseguido violentamente pelos moradores da vizinhança.


Edward Mãos-de-Tesoura foi o último filme do ícone do terror Vincent Price. Este veio a falecer pouco tempo depois. Ironicamente, sua última cena foi a morte de seu personagem, o cientista que criou Edward e o deixou inacabado.


Vincent Price trabalhou em dezenas de filmes de terror desde os anos 40. Era um dos maiores nomes do gênero junto com Christopher Lee e Peter Cushing. No seriado televisivo do Batman (anos 60) ele interpretou o vilão Cabeça de Ovo. Na música Thrilller de Michael Jackson é dele a narração aterradora e a estridente gargalhada final.

Danny Elfman, ex-líder do Oingo Boingo (uma das melhores e mais criativas bandas norte-americanas) compôs as trilhas-sonoras de quase todos os filmes de Tim Burton. A de Edward Mãos-de-Tesoura é uma das mais emotivas e está entre seus melhores trabalhos junto do diretor. 



No entanto, a tal sociedade ''normal'' retratada nos filmes de Burton é geralmente esquisita, idiota, caricata e alienada. Povoada por personagens hipócritas de valores deturpados. Exageradamente coloridos e essencialmente mais monstruosos do que os injustiçados protagonistas dos filmes.



A sociedade assustadoramente comum ironizada e atacada pelo diretor está presente em praticamente todos os seus filmes, mas seu deboche encontra-se mais explícito nos filmes Edward Mãos de Tesoura, Marte Ataca!, e em suas versões de "Planeta dos Macacos" e "A Fantástica Fábrica de Chocolate".


...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...